Como identificar a presença de cupins em casa?

O reconhecimento de que sua residência está recebendo a visita dos cupins é um passo fundamental para evitar uma grande proliferação desses insetos e suas consequências extremamente indesejáveis. É importante estar atento a todo momento, para que você possa identificar a presença de cupins em casa.

Os cupins seguem alguns hábitos bem determinados e reconhecidos, sendo, geralmente, relativamente fácil perceber que eles estão por perto.

Preferências dos cupins

Todos ligamos, automaticamente, cupins à madeira, não é? Esse conhecimento popular se dá, dentre outras coisas, pelo reconhecimento de seu alto potencial destrutivo quando se deparam com seu alimento favorito.
Cupins, na verdade, não se alimentam apenas de madeira. Seu objetivo principal é a aquisição de celulose, que é ela sim, seu alimento favorito. Só há um problema: para a quebra das moléculas de celulose no organismo dos animais, é indispensável a existência de uma proteína chamada ‘celulase’, e os cupins não as possui.

Na ausência de celulase, os cupins se valem, em uma operação de simbiose, da presença e do trabalho de diversos microrganismos que comem essa celulose e fornecem os nutrientes para o cupim, que finalmente poderá se desenvolver. Assim, quaisquer objetos que contenham celulose são potenciais banquetes para os cupins, como, por exemplo: algumas categorias de tecidos, documentos, armários, cadeiras, mesas, camas, livros, estantes e mais...

Seu principal foco é a madeira, entretanto, alguns fatores ambientais contribuem diretamente para a incidência de cupins em sua residência. A maioria dos cupins, por exemplo, adora umidade. Então, ambientes escuros e úmidos, muitas vezes provenientes de vazamentos ou infiltrações de encanamentos na residência podem auxiliar bastante para o desenvolvimento de colônias de cupins em casa.

Outro fator importantíssimo para eles é o calor. Em épocas mais quentes é justamente o momento ideal para sua procriação, como as famosas revoadas que os cupins promovem na primavera e verão. É o ápice da atividade dos cupins, então, é bom estar preparado e devidamente protegido daqueles cupins alados, pois são justamente eles que chegam para conquistas e povoar novos territórios!

Sendo assim, é indispensável que uma série de cuidados sejam tomados para evitar a infestação deles e a consequente destruição de seu patrimônio, causando prejuízo financeiro e emocional. É importante fazer inspeções com alguma regularidade em peças de madeira para tentar identificar qualquer sinal de cupins, pois se a infestação for identificada com rapidez, mais fácil e barato será remediar esse problema.

Afinal, como identificar a presença de cupins em casa?

Os sinais que apontam para uma infestação de cupins não devem ser negligenciados. Ao menor sinal de cupins, tome providências imediatas. Se você estiver atento, conseguirá identificar a presença de cupins em casa.

Nas épocas de revoadas, os cupins alados invadem as casas e costumam voar próximos a lâmpadas. Essa revoada é um grande sinal de que eles estão chegando. As asas que ficam dos cupins alados também são um belo indicativo, mais comumente encontradas nos batentes de janelas e um perímetro próximo dos locais em que há lâmpadas;

Os famosos túneis que os cupins subterrâneos constroem pelas paredes talvez seja o sinal mais claro e conhecido de uma infestação. Esses túneis que facilitam a locomoção dos cupins pelo território é um grande sinal de que as coisas já estão saindo do controle.

Rachaduras e buracos nas paredes não significam que foram os cupins, mas que pode ser um local de alojamento e de entrada dos cupins para, além de se estabelecerem, atingir às estruturas de madeira da residência; E, é claro, o pó de madeira próximo a peças de madeira. São um grande indicativo que cupins já se estabeleceram naquela peça de madeira.

Alguns outros sinais são mais delicados, e também mais difíceis de perceber, como peças de madeira ocas ou móveis se quebrando. Nesse caso, a infestação já atingiu níveis catastróficos e demandam urgentemente de soluções drásticas, como uma grande dedetização ou o descarte completo da peça.

Sendo assim, a descupinização preventiva é necessária para evitar a instalação e o desenvolvimento dos cupins em sua residência. No entanto, se este já for o caso de uma infestação, entre em contato com uma empresa experiente e especializada no controle de cupins como a Descupinização SP ECO.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.